Antes de tentar matar o ex-marido, médica de Palotina havia atirado contra garoto de programa | Giro de Notícia

Antes de tentar matar o ex-marido, médica de Palotina havia atirado contra garoto de programa

banner principal

A médica de Palotina que foi presa na tarde desta terça-feira (19) em Cafezal do Sul após esfaquear um servidor público motorista de ambulância havia se envolvido em outra tentativa de homicídio, no dia 5 de junho, onde atirou contra um garoto de programa que atendia seu então marido.

De acordo com as informações, nesta terça a mulher foi até o posto de saúde de Palotina, onde trabalha seu ex-marido – que também é médico – para deixar o filho do casal com a vítima do atentado. Neste momento a autora teria tentado matar o ex-companheiro esfaqueado e foi contida por pessoas locais.

Um servidor público motorista de ambulância – que é colega do marido da autora – ajudou a conter a mulher durante a tentativa acabou sendo esfaqueado durante o ocorrido, apresentando ferimentos nos membros superiores e recebendo atendimento médico no local.

Após o crime, ela fugiu do local e foi localizada por sua irmã em Cafezal do Sul, onde supostamente a suspeita teria tentado tirar a própria vida e foi hospitalizada em uma unidade médica na região.

Este não é o primeiro crime cometido pela autora, que em junho deste ano havia atirado com arma de fogo contra um garoto de programa que atendia ao seu então marido.

Na época, o rapaz procurou a delegacia para registrar o boletim de ocorrência e contou que foi chamado por um cliente para fazer um programa na cidade. Quando ambos estavam na casa, a autora chegou armada disparou com um revólver calibre .38 contra a vítima, acertando o sofá em que ambos estavam.

Na sequência, o garoto de programa foi expulso do local a chutes pela mulher, que o forçou a sair pelado pela rua.

Desde o ocorrido, a mulher respondia pelo crime fazendo uso de tornozeleira eletrônica, porém, conforme determinação da justiça, o aparelho acabou sendo retirado.

Após o atendimento médico depois da tentativa de tirar a própria vida em Cafezal do Sul, a médica foi detida e encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil.

Fonte: OBemdito

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS