Arcebispo tem tumor maligno, no entanto, menos grave do que imaginado, diz médico | Giro de Notícia

Arcebispo tem tumor maligno, no entanto, menos grave do que imaginado, diz médico

banner principal

O arcebispo de Cascavel Dom Adelar tem passado bem e o resultado da biopsia comprovou que trata-se de um câncer maligno, informações divulgadas no fim da tarde de segunda-feira (06). De acordo com o boletim, no momento o que preocupa e concentra todo o esforço da equipe médica é combater a bactéria. Com relação a infecção da meninge, algo que sempre exige cuidados, já não inspira temores. Dom Peruzzo, arcebispo metropolitano de Curitiba e Salete, irmã de Dom Adelar conversaram demoradamente com o médico Ramina. Eles falaram sobre os procedimentos a serem feitos e então decidiram os encaminhamentos futuros. O arcebispo deve voltar entre terça e quarta-feira para a casa de Dom Peruzzo, em Curitiba. Ele será atendido em “home care”, que, em um primeiro momento, basicamente, será administração dos antibióticos em casa. Para tanto será colocado um PICC (um tubo de silicone, flexível, fino e longo que serve para a administração de medicamentos como antibióticos, quimioterapia e soro). Quanto a biópsia, trata-se de tumor grau 2 e é maligno. No entanto, menos grave do que inicialmente imaginado. O médico Dr. Ramina está bem otimista assim como Dom Adelar. “O nosso Arcebispo está falante, sorridente e animado”. A equipe médica decidiu esperar pelo menos mais duas semanas para aplicar a radioterapia. A razão é dupla: aguardar os resultados de exames mais específicos para reduzir o máximo possível algum risco da radioterapia; também para que Dom Adelar se fortaleça ainda mais. “Permaneçamos em oração pela recuperação da saúde de Dom Adelar”.

Fonte: Catve

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS