Briga entre moradores de rua termina com um preso e outro ferido.

No início da tarde desta quarta-feira (24) uma briga entre homens em situação de rua assustou os comerciantes dos arredores da praça Arthur Thomas. As equipes do 25º Batalhão de Polícia Militar levaram o agressor para a sede, onde foi lavrado um termo circunstanciado por desobediência.

Testemunhas não souberam informar o motivo da discussão, mas um dos envolvidos estava sentado no chão da praça enquanto o outro aplicava chutes e socos na cabeça dele, com gritos para que ele saísse do local senão seria morto.

Comerciantes e vizinhos acionaram a Polícia Militar que foi recebida com ofensas e agressividade pelo homem. A vítima, com medo, deixou o local antes da chegada das autoridades, mas foi encontrada poucas quadras abaixo.

Socorristas do Samu também foram acionados devido às lesões no rosto e no tronco do homem, que embora estivesse machucado negou atendimento. Além disso, de acordo com a PM, a vítima não quis representar contra o agressor.

Os policiais orientaram para que fossem realizados os procedimentos legais, mas a vítima, que estava com sinais de embriaguez, disse que era uma ‘vítima da cachaça’ e que os PMs teriam que ‘soltar o amigo’.

A vítima seguiu pela rua e o agressor foi encaminhado para o Batalhão.

(Fonte: Obemdito.com.br)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *