Chuvas dão trégua e só voltam a acontecer na quinta-feira, em Umuarama | Giro de Notícia

Chuvas dão trégua e só voltam a acontecer na quinta-feira, em Umuarama

banner principal

O dia começou nublado e com bastante neblina em Umuarama nesta quarta-feira (1). Motoristas tiveram que dirigir com muita cautela devido à baixa visibilidade na via. Por volta das 10h da manhã os termômetros registravam 16.2°C e ao longo do dia temperatura deverá se manter entre 23°C e 14°C. De acordo com dados da Simepar, o dia seguirá sem ocorrência de chuvas.

Na quinta-feira (2) as chuvas voltam a acontecer em Umuarama, principalmente no período da tarde e início da noite. Além das chuvas, a temperatura também apresenta uma queda considerável, se mantendo entre 18°C e 14°C. Já na sexta (3) o dia também seguirá bastante nublado, porém sem previsão de chuva. A máxima não ultrapassará 21°C e mínima será de de 13°C.

“Chuvas de fraca intensidade seguiram sendo detectadas pelo Estado no decorrer da madrugada. Sobre São Paulo, a instabilidade seguiu mais elevada, com pancadas de chuvas e raios associados. Na imagem de radar ao lado é possível observar o posicionamento dos núcleos de chuva.”, de acordo com Lidia Luisa Mota, meteorologista da Simepar.

Quarta-feira (1) o tempo segue instável no Paraná. Na maioria dos setores as chuvas ocorrem a qualquer hora do dia, com condições para registro de precipitações expressivas (no oeste, sudoeste e no centro-sul, por exemplo). Circulação dos ventos em diferentes níveis da atmosfera favorecem o desenvolvimento das instabilidades. Temperaturas variam pouco durante o dia, com sensação de frio do centro ao leste paranaense (Simepar).

Quinta-feira (2) chuvosa na maior parte do Estado, por conta do gradual e lento avanço das áreas de instabilidade pelo Paraná. Tendência de os acumulados de precipitação serem expressivos em vários setores, com valores acumulados acima dos 30 mm em muitas cidades. No norte as temperaturas se elevam um pouco mais, mas na maioria dos setores ainda faz frio.

(Redação, com informações da Simepar)

Fonte: OBemdito

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS