Drogas encontradas em helicóptero apreendido em Cambará são incineradas pela polícia

Polícia Militar (PM) incinerou os 147,5 quilos de drogas encontrados em um helicóptero apreendido em Cambará, no norte do Paraná. A queima ocorreu na sexta-feira (15), em Jacarezinho, também na região norte.

Segundo a PM, a Justiça Federal autorizou a incineração devido ao grande valor comercial dos 118,05 kg de cocaína e 29,5 kg de crack, que juntos custam aproximadamente R$ 2 milhões.

Dois homens que estavam transportando a droga e foram presos na segunda-feira (11) seguem detidos preventivamente neste domingo (17). A Polícia Civil não revelou em qual delegacia.

O flagrante aconteceu depois de um pouso de emergência do helicóptero no Estádio Municipal de Cambará. O combustível estava acabando, e o piloto, de 19 anos, precisou pousar a aeronave.

Prisões

Piloto e passageiro, que tem 38 anos, foram presos quando buscavam combustível em Ourinhos, no interior de São Paulo.

O passageiro, que é de Minas Gerais, já tinha sido preso pela Polícia Federal em 2014 por tráfico de drogas. O piloto, dono da aeronave, não tem passagens. A Polícia Civil informou que ele é estudante de direito, sonhava em ser desembargador, e não tinha autorização para pilotar qualquer tipo de aeronave.

Conforme a polícia, o helicóptero foi carregado no Paraguai e seguia para o Guarujá, litoral paulista.

Os dois homens devem ser indiciados por tráfico de drogas.

Helicóptero carregado com droga pousou em um campo de futebol em Cambará (Foto: Weverson Marquezani/TV Tem)Helicóptero carregado com droga pousou em um campo de futebol em Cambará (Foto: Weverson Marquezani/TV Tem)

Helicóptero carregado com droga pousou em um campo de futebol em Cambará (Foto: Weverson Marquezani/TV Tem)

Tabletes de cocaína e crack estavam escondidos embaixo do banco do helicóptero (Foto: PM/Divulgação)Tabletes de cocaína e crack estavam escondidos embaixo do banco do helicóptero (Foto: PM/Divulgação)

Tabletes de cocaína e crack estavam escondidos embaixo do banco do helicóptero (Foto: PM/Divulgação)

Veja mais notícias da região no G1 Norte e Noroeste.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *