Em duas ocorrências, Operação Hórus causa prejuízo de quase R$ 3 milhões a contrabandistas no Oeste do estado

Em ações distintas da Operação Hórus, o Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron) apreendeu uma carreta, duas vans e uma caminhonete carregadas com mais de 40 mil pacotes de cigarros contrabandeados, um prejuízo de quase R$ 3 milhões aos criminosos. As ocorrências foram na quarta-feira (20/05) e nesta quinta-feira (21/05) na zona rural de Terra Roxa e de Guaíra, no Oeste do estado, durante patrulhamento de rotina.

De acordo com informações do setor de Relações Públicas da unidade, as equipes policiais estavam em patrulhamento quando avistaram uma movimentação suspeita e, quando se aproximaram, perceberam que os contrabandistas estavam passando a carga do caminhão para carros menores. Ao perceber a presença policial, os suspeitos começaram a fugir, porém, logo em seguida, os militares estaduais conseguiram abordar um caminhão.

Durante a vistoria, as equipes constataram que havia, aproximadamente, 40 mil pacotes de cigarros contrabandeados do Paraguai (PY). “Essa apreensão gerou um prejuízo de R$ 2 milhões aos contrabandistas, além de prejudicar a logística do crime que se espalha por todo o país”, disse o oficial de Relações Públicas da unidade, capitão Nairo de Oliveira Cardoso da Silva.

Em outra situação, nesta quinta-feira (21/05), as equipes da operação Hórus estavam em patrulhamento pela zona rural de Guaíra, quando encontraram um porto clandestino e, no local, havia duas vans e dentro delas 200 caixas de cigarros contrabandeados. Já em uma caminhonete foram localizadas mais 50 caixas de cigarros e um volume de agrotóxicos, esta estava com alerta de furto no estado do São Paulo. Um prejuízo de aproximadamente R$ 800 mil

“Essa união das forças na fronteira do estado é fundamental para otimizar a distribuição do efetivo pelo território, resultando assim em grandes e significativas apreensões”, complementou o capitão Nairo.

Fonte: Polícia Militar do Paraná

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *