Enfermeiro se recupera da Covid-19 após receber cuidados diários de irmão gêmeo: ‘Deu a vida dele para me cuidar’ | Giro de Notícia

Enfermeiro se recupera da Covid-19 após receber cuidados diários de irmão gêmeo: ‘Deu a vida dele para me cuidar’

banner principal

Marcelo surpreende irmão gêmeo em hospital de Londrina — Foto: Reprodução

Um abraço de alívio e palavras de agradecimento ao irmão gêmeo marcaram o começo de uma nova fase na vida do enfermeiro Marcelo Fernandes, de Londrina, no norte do Paraná.

Ele foi contaminado pelo novo coronavírus e ficou 37 dias internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Universitário (HU). Neste período contou com um anjo ao lado dele, o irmão Márcio Fernandes, que é técnico em enfermagem.

Os gêmeos Marcelo e Márcio trabalham na UTI do Hospital Universitário de Londrina. Enquanto o irmão estava internado, Márcio passava horas ao lado dele, mesmo nos dias que não estava de plantão, e garantia à família que Marcelo sairia bem do hospital.

O caso do enfermeiro foi muito grave. Segundo a equipe médica, os rins de Marcelo pararam enquanto ele estava internado.

    Coronavírus: Paraná tem 246.329 casos confirmados e 5.775 mortes, aponta boletim

O abraço dos gêmeos após a esperada recuperação foi registrado por colegas de profissão dentro do hospital.

Após receber alta do hospital, Marcelo foi recebido com festa no condomínio onde mora.

“Ele é um milagre de Deus. Há dez dias ele estava com 90% do pulmão contaminado”, se emocionou a esposa de Marcelo, Gislaine Fernandes.

Ao ver o irmão gêmeo fora do leito de UTI, Márcio não conteve a emoção e chorou — Foto: Reprodução/RPC

Desde que deixou o hospital, o enfermeiro tem feito fisioterapias, caminha em casa, come sozinho, parou a hemodiálise e não toma mais medicação para tratar sequelas da doença.

Em casa e se recuperando rapidamente, Marcelo está de olho na volta ao trabalho.

“Ele pediu para a chefe enfermagem qual seria o dia que iam colocá-lo na escala. Falamos que íamos com calma, ele precisa se recuperar”, afirmou a chefe médica da UTI do HU, Lucienne Tibery Queiroz Cardoso.

Irmãos gêmeos se abraçam em hospital de Londrina — Foto: Reprodução/RPC

Ao se recuperar da Covid-19, Marcelo deixou leito de UTI de hospital de Londrina para encontrar o irmão gêmeo — Foto: Reprodução/RPC

Fonte: G1 Paraná – Norte e Noroeste

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS