Falsa missionária pode ter causado prejuízo de R$ 500 mil em uma década

Uma falsa missionária, que atualmente reside em Tapejara, pode ter ocasionado prejuízo susperior a R$ 500 mil, segundo estimativa das próprias vítimas, todas da região de Goioerê.

A falsária teria agido por mais uma década, alegando ser uma ‘emissária de Deus’ e capaz de realizar coisas miraculosas. A maioria das vítimas são evangélicas, mas alguns católicos também teriam sido ludibriados.

Os golpes seriam aplicados com a cumplicidade dos dois filhos. Após adquirir a confiança das vítimas, a golpista solicitava dinheiro, quase sempre alegando estar passando por problemas financeiros.

Quando não recebia ajuda, a suposta missionária invariavelmente recebia ‘mensagens’ de mau agouro e dizia que iria orar para evitar o pior, forçando algum tipo de favorecimento.

Pessoas que tenham sido lesadas pela mulher devem procurar a delegacia mais próxima e registrar boletim de ocorrência.

(Goionews)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *