Homem é morto com tiro na cabeça ao defender a namorada das mãos de um maníaco estuprador | Giro de Notícia

Homem é morto com tiro na cabeça ao defender a namorada das mãos de um maníaco estuprador

banner principal

O servidor público municipal, Guilherme Ambrosini, de 32 anos, foi encontrado morto dentro do seu carro neste domingo (12), por volta da 1h da madrugada, na Rua José Fraron, no bairro Fraron, em Pato Branco.

A vítima tinha um ferimento na cabeça causado por disparo de arma de fogo e o crime teria acontecido porque ele tentou defender a namorada de ser estuprada pelo bandido. Guilherme trabalhava na função de chefe do Órgão Gestor do Transporte Coletivo municipal.

Conforme informações da Polícia Militar, ela informou que os dois estavam dentro do carro na Rua Belmiro Michelin, quando foram surpreendidos por um homem armado, que usava toca bala clava. O criminoso tentou amarrar o namorado para violenta-la, quando Guilherme reagiu e foi atingido por um disparo de arma de fogo na cabeça.

O homem ainda a levou para uma mata, tentou violenta-la, mas desistiu e mandou ela sair do local. Ela pegou o carro e saiu em busca de socorro, quando a Polícia Militar foi acionada.

O SAMU chegou a socorrer o homem ferido, porém ele não resistiu e entrou em óbito. A polícia realiza buscas, mas o autor do crime ainda não foi localizado.

(Fonte: PP News)

Fonte: OBemdito

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS