Mais de 100 animais marinhos são encontrados encalhados no litoral do Paraná em cinco dias | Giro de Notícia

Mais de 100 animais marinhos são encontrados encalhados no litoral do Paraná em cinco dias

banner principal

Em cinco dias mais de cem animais marinhos foram encontrados encalhados no litoral

Mais de 100 animais marinhos – como tartarugas, golfinhos e pinguins – foram encontrados encalhados no litoral do Paraná em cinco dias.

Nesta quarta-feira (14), por exemplo, um lobo-marinho encalhou com vida na Ilha do Mel, em Paranaguá.

Incomum

Isso não é comum para esta época do ano. Do fim do outono até setembro, é mais comum que eses animais encalhem.

A quantidade de animais que encalharam, agora em outubro, em poucos dias chamou a atenção de especialistas.

No feriado prolongado da Padroeira do Brasil, celebrado na segunda-feira (12), muita gente se deparou com esses animais migratórios que acabaram parando nas areias das praias do estado.

Trabalho de resgate

O trabalho de resgate foi feito pelo Laboratório de Ecologia e Conservação do Centro de Estudos do Mar (CEM) da Universidade Federal do Paraná (UFPR) que fica em Pontal do Sul, no município de Pontal do Paraná.

Biólogos, veterinários e oceanógrafos formam a equipe do CEM.

Bobo-pequeno encalhou no litoral do Paraná — Foto: Reprodução/RPC

O bobo-pequeno, que é uma espécie de ave do Reino Unido, normalmente sai da Europa para buscar alimento no litoral paranaense. Alguns ficaram debilitados demais e precisaram ser resgatados.

Foi o que aconteceu com um pinguim da Argentina, que encalhou em uma praia de Guaratuba, e também com fragatas, atobás e muitas outras aves e mamíferos marinhos.

10% sobrevivem

Entre sexta (9) e terça-feira (13), foram resgatados 150 animais nas praias do Paraná. Cerca de 100 deles estavam entre Pontal do Sul e Ipanema, que também fica em Pontal do Paraná, em um trecho de 14 quilômetros.

Apesar de todos os esforços das equipes, a maioria já encalha na praia sem vida. Apenas 10% deles sobrevivem.

O bobo-pequeno é a espécie que é mais encontrada com vida. Os sobreviventes dessa jornada são resgatados, atendidos, passam por exames e ficam no Centro de Reabilitação até – se possível – ganharam a liberdade de volta.

Pinguins que encalharam nas praias do Paraná foram resgatados — Foto: Reprodução/RPC

Qual é a orientação?

A orientação para quem encontrar algum animal encalhado na praia é não mexer nele e ligar para o Centro de Estudos do Mar.

O telefone para o resgate de animais marinhos é: 0800 64 233 41.

Fonte: G1 Paraná – Norte e Noroeste

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS