MORRE NO HOSPITAL RAPAZ BALEADO POR POLICIAL DURANTE CONFUSÃO EM POSTO DE COMBUSTÍVEL

Morreu nesta manhã desta segunda-feira (19) no Hospital Evangélico em Londrina Thiago Augusto Alves Bender de 31 anos.

Thiago e um amigo haviam sido baleados por um policial militar de folga na madrugada de domingo (18) durante uma confusão em um posto de combustível de Rolândia. O homem chegou a ser transferido para o Hospital Evangélico em Londrina onde não resistiu e morreu. O amigo dele, João Victor também foi alvejado por dois disparos dentro do carro em que estavam. O soldado Chagas da PM afirmou que os jovens tentaram atropelá-lo e ele atirou para se defender do suposto atropelamento.

VERSÃO É CONTESTADA POR FAMILIARES

Os familiares de Thiago constam a versão apresentada pelo policial. Segundo a namorada do rapaz, Polyana, eles estavam em churrasco e o namorado teria ido até o posto junto com o amigo João Victor comprar cervejas quando houve uma discussão entre Thiago e uma pessoa.

“Nisso, o segurança, que disseram que é policial militar e estava fazendo um bico, chegou e agrediu a boca do Thiago. Tem marcas no rosto dele, o IML vai constatar isso. O João puxou o Thiago e disse para os dois irem embora, para parar a confusão”.

Momentos após Thiago decidiu voltar ao posto e o policial efetuou os disparos contra os rapazes. Thiago dirigia o carro e após ser alvejado perdeu o controle e bateu em outro carro que estava estacionado. Segundo a família, os disparos acertaram a mão, ombro e a cabeça do rapaz.

A PM instaurou um inquérito parar apurar o caso.

CÂMERAS DE SEGURANÇA

A Polícia Civil apreendeu um equipamento do circuito interno de monitoramento, porém o proprietário do estabelecimento disse que o equipamento não estava funcionando desde o último dia 08 de agosto. O HD irá passar por perícia.

LONDRINA NEWS