Pimentel anuncia envio de projeto para que professores recebam o piso nacional | Giro de Notícia

Pimentel anuncia envio de projeto para que professores recebam o piso nacional

banner principal

O prefeito Hermes Pimentel informou que deve encaminhar nesta sexta-feira (9) para análise e votação na Câmara de Vereadores a proposta pela qual o município assegura que nenhum professor da rede municipal receberá salário menor que o piso nacional, estabelecido pelo governo federal.

Inicialmente, conforme o prefeito, devem ser incluídos no plano 396 professores, tanto efetivos quanto contratados temporariamente por PSS (processo seletivo simplificado). Para garantir o piso, conforme Pimentel, o município aumentará em R$ 194.397,73 mensais o investimento em custeio da folha de pagamento do magistério municipal, incluindo o abono adicional, 13º salário, férias e demais encargos.

 “Ainda não é o ideal que os professores merecem, mas é o que a Prefeitura pode oferecer neste momento para que ninguém receba menos que o piso nacional. Assim que o projeto for aprovado será imediatamente sancionado e passará a valer, garantindo o piso nacional aos nossos professores”, disse o prefeito.

Serão incluídos nesta primeira etapa 221 professores efetivos com carga de 20h semanais e 71 de 40h, bem como 37 contratados por PSS de 20h e 77 de 40h. O valor do abono será reduzido à medida que o professor for progredindo na carreira, até deixar de ser pago quando o valor dos vencimentos superar o piso nacional.

O magistério de Umuarama entrou em greve no final de abril. Ao todo, o município tem 800 profissionais na área de educação municipal. Eles tiveram que voltar ao trabalho por decisão do Tribunal de Justiça do Paraná, sem a garantia do piso nacional. Foram vários protestos em frente à Prefeitura. O Sindicato da categoria ainda não se manifestou sobre o projeto do prefeito.

Fonte: OBemdito

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS