Receita Estadual promove aproximação com instituições da classe contábil do Paraná | Giro de Notícia

Receita Estadual promove aproximação com instituições da classe contábil do Paraná

banner principal

A Receita Estadual está intensificando o trabalho de relacionamento com a classe contábil paranaense, importante para a atualização dos profissionais da área e troca de informações.

Na última quarta-feira (02/09), a 1ª Delegacia Regional da Receita promoveu uma reunião online com instituições que representam o setor:  Sescap-PR (Sindicato das Empresas Contábeis, Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas), CRC-PR (Conselho Regional de Contabilidade – Paraná), Fecopar (Federação dos Contabilistas do Paraná) e Sincotiba (Sindicato dos Contabilistas de Curitiba e Região), representados por seus presidentes e membros de diretoria.

A pauta tratou das novas demandas do e-protocolo pela busca da melhoria da qualidade das informações nos processos da Receita. “A mudança abrupta de procedimento face à pandemia resultou em dúvidas e dificuldades que agora estão sendo corrigidas e sanadas paulatinamente por meio da interação que iniciamos”, explica a delegada regional da Receita Estadual em Curitiba, Suzane Gambetta Dobjenski, que participou do encontro. “Apresentamos as principais falhas que vêm ocorrendo, e também ouvimos e anotamos sugestões para dar continuidade ao processo”, complementou. 

A 1ª DRR foi representada também pelos os auditores Ezequiel, Sandra e Márcio Pacheco.

A iniciativa foi muito bem recebida pelos representantes da classe. Em especial, os presidentes das entidades elogiaram as práticas e procedimentos fiscais adotadas no processo de transposição para as novas tecnologias da NF-e e o SPED Fiscal, além da capacidade dos auditores em manter o bom nível de atendimento diante da crise da pandemia.

“Relato ter sido atendido com muita celeridade em protocolos de naturezas diversas como restituição, ressarcimento e regime especial”, relatou o presidente do Sincotiba, Juarez Morona. 

“Temos buscado incessantemente modernizar processos e procedimentos, dar celeridade no atendimento, desburocratizar, em consonância com as diretrizes do governo do estado”, finalizou o diretor da Receita Estadual, Roberto Tizon.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS