Saldo final: Polícia Civil prende 168 pessoas no Paraná em operação especial.

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) realizou nesta quarta-feira (24) a Operação PC 27 em diversas cidades do Estado. Foram presas 168 pessoas por diversos crimes e cinco adolescentes apreendidos. A operação terminou no final da tarde com 123 mandados de busca e apreensão cumpridos. A ação aconteceu simultaneamente em todo o território nacional, com a participação dos demais 25 estados e do Distrito Federal.

Cerca de 550 policiais civis de todas as divisões da PCPR participaram da operação que teve como objetivo combater a criminalidade, assim como cumprir mandados judiciais contra suspeitos pela prática de diferentes tipos de crimes, como roubo, homicídio, estupro e participação em crime organizado, entre outros, além de fazer prisões em flagrante.

Leia também: Polícia Civil deflagra operação “PC 27” para cumprir mandados judiciais em todo o Paraná

De acordo com o delegado-geral da PCPR, Silvio Jacob Rockembach, a operação é resultado de investigações por meio de um trabalho integrado e coordenado por todas as divisões da Polícia Civil do Estado. “É uma grande operação, exige um planejamento bem detalhado e uma alta capacidade de coordenação e integração entre as divisões da Polícia Civil. Estamos buscando trabalhar a cada dia mais dessa forma, não só no Paraná, como no país”, afirma.
Rockembach ressalta ainda que, para que a polícia consiga prestar um serviço mais eficiente e melhorar sua capacidade de resposta, as Polícias Civis estão totalmente integradas em todo o Brasil. “Existe uma integração muito forte entre os núcleos de todas as Polícias Civis, há investigações sendo tocadas em conjunto em diversos estados. Essa é a tendência daqui em diante”, afirma o delegado-geral.

A PC 27 foi uma iniciativa do Conselho Nacional de Chefes de Polícia Civil (CONCPC). O nome é uma referência à união e padronização de todas as Polícias Civis do país.

Colaboração Agência de Notícias do Paraná

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *