Segunda etapa de entrega dos cartões do ‘Comida Boa’ começa na terça-feira (19), em Guarapuava

Começa na terça-feira (19) a segunda etapa de entrega dos cartões do programa “Comida Boa”, em Guarapuava, na região central do Paraná. A prefeitura da cidade estipulou um cronograma de datas para bairros e distritos. Confira mais abaixo.

O programa concede auxílio mensal de R$ 50 para compra de alimentos para pessoas de baixa renda de todo o estado. Moradores do Distrito do Guará receberam os vales no dia 13 de maio.

A entrega dos vouchers será feita em escolas municipais, com atendimento das 8h30 às 11h30 e das 13h às 16h30. Veja as datas a seguir por bairro.

    19 de maio: Industrial e Vila Carli (Escola Iná Ribas Carli)19 de maio: Primavera (Escola Profª Carlita Guimarães Pupo)19 de maio: São Cristóvão, Conradinho e Bonsucesso (Escola Prof. Conrado G. Oliveira)20 de maio: Morro Alto (Escola Hildergard Burjan)20 de maio: Santana, Trianon e Centro (Escola Alcindo de França Pacheco)20 de maio: Residencial 2000 (Escola Profª Luiza P. Amaral)21 de maio: Bairro dos Estados, Batel, Cascavel e Alto Cascavel (Escola Professor Pedro Itararé)21 de maio: Jardim das Américas (Escola Dionísio K. Sampaio)22 de maio: Santa Cruz e Vila Bela (Escola Prof Francisco Contini)22 de maio: Boqueirão (Escola Raul H. Lupatelli)26 de maio: Distrito de Entre Rios (Escola Francisco P. Lacerda Werneck)27 de maio: Distrito da Palmeirinha (Escola Manoel M. de Campos)

Para retirar o cartão, é preciso apresentar CPF e RG, além de estar usando máscara.

Famílias registradas no CadÚnico podem consultar a situação cadastral no site do Comida Boa ou pelo o telefone 0800 200 4150.

A relação dos estabelecimentos que aceitam os cartões do programa pode ser acessada clicando aqui.

Comida Boa

O Comida Boa integra um pacote de medidas sociais anunciadas pelo Governo do Paraná devido à pandemia do novo coronavírus. O auxílio terá duração de três meses, podendo ser prorrogado, e é destinado a famílias mais vulneráveis.

Os beneficiários podem usar o cartão em estabelecimentos credenciados pela Secretaria da Agricultura e do Abastecimento. Os vouchers possuem QR Code, para evitar falsificações.

Quem pode receber?

    O programa limita a dois membros da mesma família o recebimento do vale e abre espaço para que a pessoa provedora de família monoparental, quando apenas um dos pais arca com as responsabilidades, possa requerer o recebimento de duas cotas do auxílio emergencial, independentemente do sexo, se cumprir os requisitos básicos do programa;É necessário ser maior de 18 anos;O beneficiário não pode ter emprego formal;Renda familiar mensal per capita não pode ser superior a meio salário mínimo ou deve ter renda familiar mensal total que não exceda três salários mínimos;Não pode ser titular de benefício previdenciário, seguro-desemprego ou programa de transferência de renda, ressalvados os beneficiários do programa Bolsa Família.

Fonte: G1 Paraná – Norte e Noroeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *