Três pessoas foram assassinadas em Campo Mourão em 48 horas

A polícia de Campo Mourão montou uma força tarefa para esclarecer três homicídios registrados nas últimas horas. Os crimes ocorreram em bairros distintos, e a princípio não teriam ligação. As execuções aconteceram em um intervalo de aproximadamente 48 horas. 

NA Madrugada da última sexta-feira (30), um jovem de 22 anos foi morto com vários tiros pelo corpo.
O homicídio ocorreu próximo a Universidade Tecnológica Federal do Paraná. Jhony Wesley Fernandes estava na companhia de várias pessoas, quando repentinamente foi surpreendido pelo assassino que portava um revólver calibre 38. Após cometer o homicídio, o atirador desapareceu e não foi localizado. 

Na noite de sábado, por volta das 22 horas, Alciole Veiga da Silva de 40 anos, foi executado em uma estrada de terra. O assassinato aconteceu entre os bairros Conjunto Fortunato Perdoncini e o Conjunto Milton de Paula Walter. Pessoas que passavam pelo local encontraram a vítima já sem vida. O homem apresentava diversas perfurações causadas por disparos de arma de fogo. A polícia tenta descobrir a autoria e a motivação deste homicídio.

No início da madrugada de domingo (01), Wesley Ferreira de Oliveira, de 21 anos, foi morto a tiros logo após sair da casa de sua namorada, na Rua dos Encontros, no Conjunto Avelino Piacentini. O rapaz foi atingido por vários tiros e teve morte instantânea. A vítima havia acabado de Oliveira contava com diversas passagens pela policia. Após cometer a execução, o atirador fugiu e não foi localizado. 

Os três homicídios estão sob investigação da Divisão de Homicídios de Campo Mourão. 

Fonte: GoioNews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *