Vereador Ronaldo é notificado sobre denúncia de cassação e tem 7 dias para apresentar defesa | Giro de Notícia

Vereador Ronaldo é notificado sobre denúncia de cassação e tem 7 dias para apresentar defesa

banner principal

A Câmara de Vereadores de Umuarama divulgou nesta sexta-feira (3) que o vereador Ronaldo Cruz Cardoso (PRÓS) foi notificado a respeito da denúncia de cassação de seu mandato. Ele é acusado de suposto pedido de propina para aprovação de loteamento no município.

Foi confirmado que o vereador recebeu a notificação nesta sexta mesmo, às 13h56, em sua residência. Agora, o parlamentar tem 7 dias corridos para apresentar sua defesa preliminar.

Conforme ata, na quinta-feira (2) a mesa diretora da Câmara se reuniu para deliberar sobre os procedimentos a serem adotados após a publicação da denúncia na última sessão ordinária da Câmara (realizada na segunda-feira, 30/05). Foi informado o prazo de 7 dias para que Ronaldo apresente sua defesa e, após isso, em sessão ordinária acontecerá o sorteio para composição de uma comissão para exame da denúncia e da defesa. A comissão será composta por 3 vereadores.

DENÚNCIA

O pedido de cassação foi protocolado no dia 27 de maio pelo médico veterinário Estefano Demczuk e baseia-se em indícios de que o vereador tenha cometido os crimes de concussão e corrupção passiva no caso do loteamento de terrenos comerciais.

Ronaldo é suspeito de ter pedido dinheiro a um empresário para viabilizar a aprovação de um projeto de lei de zoneamento, que liberaria o loteamento para comercialização. O vereador teria pedido dois terrenos, avaliados em cerca de R$ 500 mil, e R$ 30 mil em espécie, para acelerar o trâmite na comissão de Justiça e Redação, da qual é presidente no Legislativo.

Há alguns dias, após a divulgação dos fatos, a assessoria de Ronaldo encaminhou uma nota a respeito do assunto. Confira os detalhes aqui.

Confira os documentos enviados pela Câmara de Vereadores:

Fonte: OBemdito

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS