Vereadores de Cianorte conhecem a Casa do Empreendedor de Umuarama

Nesta quinta-feira (14), os vereadores Adailson Carlos Ignácio da Costa (Dadá) e Silvio Fernandes (Silvio do Pátio) estiveram em Umuarama, com objetivo de conhecer o funcionamento da Casa do Empreendedor da cidade, referência estadual de boas práticas, e implantá-las em Cianorte.

A Casa do Empreendedor de Umuarama, em 2018, concorrendo com 132 municípios – incluindo Maringá, Paranavaí e Campo Mourão – ganhou o prêmio pela estrutura de atendimentos, a qual trouxe grande melhoria aos serviços prestados.

De acordo com o chefe de Divisão de Fomento da Secretaria de Indústria e Comércio de Umuarama, Paulo Leon Baraniuk, a Casa do Empreendedor local contém uma gama de serviços, com um sistema desburocratizado e simplificado para abertura de empresas, a fim de dar apoio ao desenvolvimento e crescimento das empresas da região. “O atendimento mudou o seu foco para o fortalecimento e crescimento do Microempreendedor Individual (MEI) – que fatura até R$ 81 mil por ano – na economia local. Só em fevereiro de 2019, houve o atendimento de 2.040 MEIs. Em 2018, houve o aumento de formalização de MEI em 48%, com mais de 13.568 atendimentos”, esclarece o agente de desenvolvimento do Sebrae premiado, em 2018, pelo desenvolvimento das ações que melhoram o ambiente de negócios.

Ainda, segundo Paulo Leon, a Casa do Empreendedor possui benefícios para quem abre uma empresa como, por exemplo, a realização e treinamentos e acompanhamentos periódicos. “Até novembro de 2018, 923 microempreendedores participaram de orientações, oficinas e cursos. Existem consultores que podem ajudar em diversos casos e, quando não temos a solução, buscamos parceiros”, pontua. Na oportunidade, o especialista explica ainda sobre as modalidades de crédito oferecidas. “O crédito é oferecido por várias entidades financeiras, na linha do microcrédito são disponibilizados valores de até R$ 20 mil e na linha do crédito, R$ 1,5 milhão para micro e pequenas empresas”, finaliza.

Os vereadores Adailson Carlos Ignácio da Costa (Dadá) e Silvio Fernandes (Silvio do Pátio) ressaltaram a importância da visita. “A Casa do Empreendedor contribui, principalmente, na desburocratização de alvarás de funcionamento, além do que o microempreendedor é tratado com mais atenção pelos servidores. O objetivo é implantar na Casa do Empreendedor local essas práticas, em breve, a fim de que o empreendimento do cianortense possa dar certo”, conclui.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *